Como o preço das ações é definido? Descubra!

Porque o preço das ações varia diariamente? Entenda como o mercado define o preço das ações e os diferentes métodos de análise.
preço das ações
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp

Quais são os motivos da variação constante no preço das ações? Um dia vão parar de acontecer? Existe um preço justo? Continue neste artigo para entender como o preço das ações é definido.

 

A variação no preço das ações

A interação entre compradores e vendedores na Bolsa de Valores cria a oferta e demanda de cada ativo. 

A procura por determinada ação está relacionada ao histórico dos preços e, principalmente, às perspectivas futuras de desempenho da empresa emissora da ação. Estas podem ser influenciadas por uma gama de variáveis, como:

  • Resultados operacionais e divulgação dos balanços;
  • Notícias sobre fusão de companhias;
  • Projeções sobre o setor da empresa;
  • Inovações tecnológicas;
  • Mudanças na gestão ou no conselho de administração;
  • Nível de endividamento da empresa;
  • Distribuição de proventos. 

Qualquer outro fator que possa afetar o desempenho da empresa emissora irá influenciar diretamente no preço das ações.

Por exemplo, mesmo sem nenhuma novidade sobre a empresa, se as condições de mercado local são favoráveis, no chamado “bull market”, a tendência é de maior procura na bolsa de valores e existe chance dos preços das ações aumentarem.

Além disso, é importante ressaltar que cada empresa tem condições próprias de mercado. Algumas se beneficiam da valorização cambial, outras podem ter grandes prejuízos por esse mesmo motivo.

 

Análise Técnica x Análise Fundamentalista

A Análise Técnica e a Fundamentalista são muito utilizadas para determinar o preço das ações. Entretanto, elas têm princípios diferentes:

Na Análise Técnica utilizam-se gráficos das cotações da ação no tempo para verificar tendências futuras dos preços. Para isso, ele pode traçar linhas de tendência, resistência e rompimento. Essa estratégia é muito utilizada pelos traders para identificar os pontos de entrada e saída das operações.

Já a Análise Fundamentalista estuda os múltiplos da empresa, como grau de endividamento, valor de mercado, ROE, etc. Assim, se faz um diagnóstico da saúde financeira da companhia com base no balanço corporativo. 

 

Valuation

Dentro da análise fundamentalista, se utiliza o valuation para determinar o preço justo de uma ação a partir das projeções dos lucros futuros.

Essa avaliação tem um viés de subjetividade e, por isso, é comum encontrar alguma variação dos valores para um mesmo ativo. Isso porque o valuation depende do estabelecimento de algumas premissas, como a taxa de crescimento do lucro da empresa nos próximos anos.

Sendo assim, o valuation não é uma ciência exata, mas possibilita uma percepção aproximada do valor justo de um ativo com uma boa margem de segurança.

Existem duas formas mais comuns de valuation:

  • Valuation por múltiplos: Feito através dos indicadores de mercado da empresas, como a relação preço / lucro da ação. Com isso, o investidor pode comparar com empresas similares.

  • Valuation por fluxo de caixa descontado: No qual estima-se o fluxo de caixa futuro da empresa, a partir de uma taxa de desconto. Ela representa o Custo Médio Ponderado de Capital, também conhecido como WACC (em inglês, Weighted Average Capital Cost).

Existem outras estratégias de análise, como o modelo de Gordon ou o método de Benjamin Graham. Como não é uma análise simples, as casas de research oferecem análises dos preços justo das ações, para ajudar o investidor na tomada de decisão.

Veja também

Casa de Research: conheça as principais e entenda os benefícios

 

Acompanhar os resultados 

A variação incessante dos preços das ações pode dificultar uma análise fria dos seus resultados. Por isso, é fundamental acompanhar a rentabilidade da sua carteira pelo Gorila

 

Mais conteúdos

Você já faz parte do nosso canal do Telegram? Lá enviamos análises diárias sobre a economia global e notícias do mercado financeiro.

Siga também nossas outras mídias: Facebook, Instagram, Twitter e Linkedin

Controle seus investimentos com o Gorila

Não perca mais tempo com tabelas e planilhas. Conheça uma nova forma de acompanhar a rentabilidade da sua carteira de investimentos.

Controle seus investimentos com o Gorila

E tenha a plataforma mais completa para acompanhar a sua rentabilidade de forma rápida, fácil e transparente.

Leia mais